segunda-feira, 5 de outubro de 2009

Golpe do Troco

video

Cuidado...

Não troque dinheiro para qualquer um e sempre desconfie, preste atenção se for realizar a troca inclusive para pessoas conhecidas.

Pois você pode cair no 171 - Estelionato - Golpe do troco.
DJi - 171 a 179 - DL-002.848-1940 - Código Penal - Estelionato e Outras Fraudes

Art. 171 - Obter, para si ou para outrem, vantagem ilícita, em prejuízo alheio, induzindo ou mantendo alguém em erro, mediante artifício, ardil, ou qualquer outro meio fraudulento:

Pena - reclusão, de 1 (um) a 5 (cinco) anos, e multa.

Abaixo uma pequena história baseada em fatos reais de como funciona esse golpe.

Um larápio foi preso na última sexta-feira por tentar aplicar o golpe do troco, em Goiânia, De acordo com a vítima, o ele chega no estabelecimento ou até mesmo trabalha no local onde é práticado o golpe, solicitando a troca de R$ 100, deixa o dinheiro em cima da mesa e quando a pessoa se distrai ou vira para pegar o dinheiro trocado, ele guarda no bolso a nota ou as notas e em seguida solicita o dinheiro trocado alegando que já tinha passado a nota . O golpe consiste em que o larápio distraia a pessoa para que ela não perceba o momento que o mesmo guarda a nota ou notas no seu bolso novamente e assim faça com que ela cometa o erro de confiar no golpista que normalmente trabalha no local ou e frequentador assíduo do mesmo e em seguida acabe reembolsando R$ 100 neste jogo de troca e destroca. . Pois ele usa de má-fé para trapacear a pessoa que está efetuando a troca do dinheiro, e normalmente age sozinho, mas dependendo do local a ser lesado usa sempre um comparsa e procura atuar em locais onde dificulte se obter testemunhas do fato, obrigando a vítima a ficar na duvida de que recebeu a nota ou as notas após lhe entregar a quantia.

Depois do fato ocorrido a pessoa confere seu caixa e verifica que caiu no golpe do troco e acaba descobrindo o furo de R$ 100 no caixa.

Segundo o próprio larápio, que informou a Polícia Militar que já havia praticado esse golpe varias vezes em outros locais da cidade, diante disso foi proferida voz de prisão e conduzido o mesmo ate a central de policia onde foi entregue para as demais providências, a vitima acompanhou e fez o registro formal da ocorrência.

Algumas pessoas dizem que esse golpe tem um outro apelido, conhecido também como golpe do chaguinha.


Nenhum comentário:

Postar um comentário